Open dos Açores: 15 anos de ausência

25 junho 2022

Por Valdemar Afonso
Golf Reporter

O Sata Azores Open, um dos principais cartazes de promoção turística da região através do desporto e que era também o “orgulho” das comunidades de açorianos nos EUA e Canadá, foi interrompido faz agora 15 anos, sem que alguma vez tenha sido anunciado o motivo da suspensão, quando o torneio registava enorme sucesso desportivo e social.

A última edição do Sata disputou-se em outubro de 2007 e integrou um pro-am, um torneio para amadores e três voltas para os profissionais, envolvendo os campos das Furnas e da Batalha. Entre jogadores e acompanhantes, nas últimas edições do torneio deslocavam-se a S. Miguel mais de duzentas pessoas que chegavam nos aviões da Sata, ocupavam hotéis, restaurantes e percorriam a ilha durante a semana. E depois promoviam a região com os seus relatos e imagens.
Este torneio era o principal pretexto para muitos emigrantes açorianos, então empresários de sucesso, visitarem a sua terra e mostrarem os Açores aos seus amigos e vizinhos, de várias nacionalidades. E todos os anos os grupos oriundos de vários pontos dos EUA e Canadá (Rhode Island, Florida, Newark, New Jersey, Toronto, etc.) integravam novos visitantes, profissionais ou amadores.
O jantar de gala e entrega dos prémios, nos últimos anos no panorâmico restaurante do Batalha GC, foi sempre o “ponto alto” deste orgulho em mostrar o que de melhor oferecem os Açores.
O Sata Azores Open começou no campo das Furnas, quando era o único campo de S. Miguel, e com a abertura do Batalha (1996) passou a ocupar os dois percursos. Ao longo dos anos muitos hotéis e restaurantes da Ilha Verde ficaram conhecidos através deste torneio.
A última edição, em 2007, foi ganha pelo então jovem profissional português Tiago Cruz com 211 (72-68-71) pancadas, 5 abaixo do par do Batalha, seguido pelo canadiano Lee Curry a duas pancadas. Entre os participantes contaram-se (entre outros) o veterano José Maria Canizares e Pedro Linhart (vencedor do Open da Madeira).
Depois da suspensão (ou extinção) do Sata Azores Open o Turismo dos Açores promoveu uma edição do Seniores Open em 2008 e quatro torneios Ladies Azores Open, da segunda divisão do Ladies European Tour. Mas ficaram por aí. Não houve mais promoção através do golfe.
Porque acabaram com o Sata Azores Open?


Similar articles

Montebelo com footgolfe

Montebelo com footgolfe

O Montebelo Golfe, em Viseu, vai passar a dispor de um percurso de FootGolf, um desporto em crescimento a nível internacional, com o “pontapé de saída” a ser dado no final de outubro, data em que a nova modalidade ficou disponível no campo da Visabeira Turismo.

Ryder Cup adiado para 2021

Ryder Cup adiado para 2021

A PGA da América, a Ryder Cup Europe e a PGA Tour anunciaram em conjunto no início de julho que tanto a Ryder Cup quanto a Presidents Cup foram reagendadas, e serão disputadas um ano depois do agendado originalmente.

© GolfePress

Nunca perca uma edição da revista GOLFE Portugal & Islands ligue
(+351) 291 639 100 ou envie um e-mail para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Cofinaciado por: