• Home
  • Elite
  • Internacional Amador de Portugal Feminino: Vitória para Francesca Fiorellini

Internacional Amador de Portugal Feminino: Vitória para Francesca Fiorellini

03 February 2022

Depois de duas classificações consecutivas entre as 10 primeiras, Francesca Fiorellini, de apenas 16 anos, saiu vencedora, hoje, do 92.º Campeonato Internacional Amador de Portugal Feminino, no Montado Hotel & Golf Resort, em Palmela, tornando-se a segunda italiana a erguer o troféu nos últimos três anos e a terceira nos últimos seis. Juntou o seu nome aos de Letizia Bagnoli (2017) e Alessia Nobilio (2020).

Partindo para a última volta a liderar com duas pancadas vantagem sobre a francesa Maylis Lamoure, foi entre ambas que o título se decidiu. Num dia em que os resultados foram mais elevados que nos dias anteriores, devido a algumas difíceis colocações de bandeiras e a greens que entretanto se tornaram um pouco mais rápidos, a italiana impôs-se com o resultado final de 72 (par), face ao 73 (+1) da gaulesa, que procurava suceder na lista das vencedoras à sua compatriota Lucie Malchirand.

Com um total agregado de 279 (-9), Francesca Fiorellini acabou assim por ganhar com três pancadas de vantagem sobre Lamoure, que foi vice-campeã com 282 (-6). A alemã Helen Briem foi terceira com 284 (-4), a inglesa Lottie Woad quarta com 285 (-3) e a espanhola Anna Cañado Espinal completou o top-5 com 286 (-2). Só houve mais uma jogadora a somar um total agregado abaixo do par: a francesa Carla de Troia com 287 (-1).

“É incrível ganhar o primeiro torneio do ano, estou muito honrada por ter vencido o Internacional de Portugal”, disse Francesca Fiorellini, que, apesar da sua jovem idade, ocupa já a 57.ª posição no ranking mundial amador – e vai subir na tabela após o êxito no Montado, onde competiu pela terceira vez: em 2020, na estreia, tinha terminado entre as sétimas classificadas; em 2021, finalizara sozinha na 10.ª posição.

“É um grande campo e já o conheço bem. Lembro-me que na minha primeira presença aqui fiz o meu melhor resultado de sempre até então, 67 (-5), e foi um grande dia para mim”, afirmou a jovem italiana, para quem este título é o segundo consecutivo na alta roda do golfe europeu amador. É que em Novembro conquistara já o Internacional de França Sub21, que atribui o Troféu Esmond.

Sofia Sá, a única portuguesa que passou o cut aos 54 buracos, chegou a coliderar após duas voltas, mas acabaria por sair do top 10, igualando o 12.º lugar da edição passada, quando obteve a melhor classificação de sempre de uma portuguesa neste prestigiado evento amador, que tradicionalmente é o primeiro no calendário da Associação Europeia de Golfe (EGA), sob a égide da Federação Portuguesa de Golfe.

Depois de voltas de 70 e 69, a campeã nacional absoluta, de 17 anos, jogou as restantes duas em 75 e 77, somando 291 (+3). “Estou um pouco desiludida com estas duas últimas voltas, porque sinto que podia ter feito bem melhor. Ontem os putts não entraram, hoje os shots ao green ficaram sempre longe do buraco e depois fiquei sempre com putts compridos. O objectivo a que me propus não foi cumprido.”


Similar articles

Footgolf at Montebelo

Footgolf at Montebelo

Montebelo Golf, in Viseu, will now have a FootGolf course, a sport that is growing internationally, with the “kick-off” at the end of October, the date on which the new sport becames available on the course of Visabeira Turismo.

THE MAN BEHIND THE PLAYERS

THE MAN BEHIND THE PLAYERS

At 56 years old, Pedro Lima Pinto is an unavoidable figure in national golf. He is the most visible face of Greatgolf, the career management agency he founded to help young Portuguese golfers. The agency currently represents five golfers, and has a fundamental rule: it only works with those who are dedicated exclusively to the game.

 

CAPA_N.73.jpg

© GolfePress

Make sure you never miss an issue of GOLFE Portugal & Islands magazine
call (+351) 291 639 100 or e-mail us at This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. 

Cofinaciado por: